6 de janeiro de 2022.



A verdadeira agenda por trás dos passaportes de vacinas

A mentalidade do Tecnocrata é esta: o que não pode ser identificado e monitorado não pode ser controlado. Este é o ponto principal dos passaportes para vacinas, que não têm nada a ver com o controle da propagação de doenças, mas sim com o controle de VOCÊ!